salmão assado em papillote

o original era assado em folha de bananeira, mas aí é querer demais da minha pessoa. assei numa trouxinha de papel alumínio e super deu pra gasto, tá?

ingredientes

um punhado de coentro fresco picado grosseiramente

3 colheres de sopa de hortelã fesca picada

2 dentes de alho amassados (ou ralados)

1 colher de sopa de gengibre fresco ralado

1 pimenta vermelha sem sementes, picadinha

2 colheres de chá de cominho moído

1 colher de chá de semente de coentro em pó

2 colheres de chá de açúcar mascavo

2 colheres de sopa de suco de limão

150ml de leite de côco

4 filés grossos de salmão

4 quadrados de 3 x 30 cm de folha de bananeira ou de papel alumínio

sal

preparo

misture o coentro fresco, hortelã, alho, gengibre, pimenta, cominho, coentro em pó, açúcar, limão e leite do côco num liquidificador ou processador. tempere com sal e reserve.

coloque cada filé de salmão no centro da folha de alumínio ou e bananeira e cubra com a mistura de temperos. cuidadosamente dobre o pacotinho de modo a cobrir completamente o peixe. eu não dobro, vou enrolando as pontas bem apertadinhas para não deixar o vapor do cozimento escapar.

coloque os pacotinhos numa assadeira e leve ao forno pré-aquecido a 200ºC por 15 minutos.

retire os pacotinhos do forno e tente abrir somente na mesa, na hora de servir: o cheiro é delicioso!

salmão assado em papillote, com muitos temperinhos!

kebab

essa receita era originalmente com carne de cordeiro, mas a gente faz do jeito que dá… e o resultado é incrível!

ingredientes

1 pimenta fresca (usei dedo de moça)

1 colher de chá de gengibre fresco ralado

2 dentes de alho picadinhos (eu ralo o alho também)

um punhado de coentro fresco picadinho

um punhado menor de hortelã fresca picadinha

1 colher de chá de semente de cominho

1 colher de chá de coentro em pó

1/2 colher de chá de cravo em pó

1/2 colher de chá de semente de cardamomo picadinha

1 colher de sopa de azeite

450g de carne moída

preparo

quem me conhece sabe que eu sou fã dessas receitas “mistura-tudo-e-põe-pra-assar”, hehe. essa dá só mais um pouquinho de trabalho, porque depois de misturar todos os ingredientes, você precisa separar as porções e moldar os kebabs.

o ideal é assar numa grelha, 3-4 minutos de cada lado, mas eu moldei como hamburguer e fritei numa frigideira mesmo. domingo me dá uma preguiiiiiça…

kebab

para acompanhar, uma colher de chutney de tâmara e tamarindo e cottage temperado com azeite, limão e pimenta do reino moída na hora.

Feijão vermelho com côco e castanha de caju

aê, finalmente uma receitinha vegana! excelente varação para o feijão seu de cada dia!

ingredientes

2 colheres de sopa de azeite

1 colher de sopa de óleo de gergelim torrado

2 cebolas picadinhas

2 cenouras pequenas em cubinhos

3 dentes de alho picadinhos

1 pimentão vermelho picado

2 folhas de louro

1 colher de sopa de páprica

3 colheres de sopa de extrato de tomate

400ml de leite de côco

1 lata de tomate pelatti

15oml de caldo de vegetais

400g de feijão vermelho cozido (a receita original usa feijão industrializado, mas eu venci a preguiça e COZINHEI FEIJÃO!)

1 xícara de castanha de caju

um punhado de coentro picado

sal e pimenta

preparo

cozinhe o feijão em água com sal e umas folhinhas de louro. como não tenho panela de pressão, deixei cozinhando por 1 hora, escorri e reservei o caldo, que usei para substituir o caldo de vegetais da receita original.

refogue a cebola e a cenoura no azeite e óleo de gergelim por 3 minutos. adicione o alho, pimentão e louro e refogue por 5 minutos, até a cenoura estar macia e  douradinha.

misture a páprica, extrato de tomate, leite de côco, tomate, caldo e feijão e deixe ferver. abaixe o fogo e deixe cozinhar destampado por 12 minutos.

acrescente a castanha de caju e coentro, misture bem e sirva com arroz.

Truta assada com leite de côco

tava MORRENDO de preguiça, quase desistindo de cozinhar… mas esse prato ficou pronto em 15 minutos e é ESPETACULAR. é daqueles “taca tudo no processador e bota pra assar”, perfeito para esses dias.

ingredientes

4 filés de truta, mais ou menos 200g cada

4 colheres de suco de limão

2 dentes de alho

1 colher de chá de gengibre fresco ralado

1 colher de sopa de amêndoas picadas

3 colheres de sopa de extrato de tomate

1 pimenta fresca (retire as sementes)

1 colher de chá de garam masala

200ml de leite de côco

um punhado de coentro fresco

1 colher de sopa de azeite

sal e pimenta

preparo

coloque o peixe numa assadeira, tempere com sal e limão

misture o alho, gengibre, amêndoas, extrato de tomate, pimenta, garam masala, leite de côco, coentro e azeite. tempere com sal e cubra o peixe com esta mistura.

asse o peixe no forno pré-aquecido a 200ºC por 15 minutos e pronto!

eu disse que era prato de preguiça! =)

não faz uma foto bonita, mas é incrivelmente saboroso.

truta assada com leite de côco

Curry de peixe e tomate

ingredientes

2 colheres de sopa de azeite

1 cebola picadinha

4 dentes de alho fatiados bem fininho

1 colher de chá de gengibre (fresco!) ralado

1/2 colher de chá de cúrcuma

1 colher de chá de chilli em pó (usei páprica picante)

1 colher de chá de cominho em pó

2 colheres de chá de semente de coentro em pó

1 colher de chá de garam masala

500g de peixe branco firme, cortado em tirinhas de 1,5cm (usei filé de namorado)

400g de tomate pelatti (aqueles de lata)

2 colheres de chá de sal marinho

2 colheres de chá de açúcar (usei açúcar mascavo)

preparo

aqueça o azeite em frigideira grande e frite a cebola até ficar dourada.

adicione o alho, gengibre, cúrcuma, chilli, cominho, coentro e masala e frite por 30 segundos.

adicione o peixe e frite por mais 2 minutos.

acrescente o tomate, sal e açúcar. tampe a panela e deixe cozinhar por 8 minutos (ou até o peixe estar cozido).

pronto, cabô.

Pulao de espinafre e grão de bico

pulao é arroz com misturinhas, não precisa ficar com medo não!

ingredientes

15g de manteiga

1 colher de sopa de azeite

1 cebola picadinha

1 colher de chá de semente de cominho

2 colheres de chá de semente de coentro em pó

2 dentes de alho picadinhos (eu uso um mini-ralador)

1 colher de chá de gengibre (fresco!) ralado

2 colheres de chá de dill picadinho (esqueci de comprar, mas ficou ótimo do mesmo jeito)

100g de espinafre picado (não precisa ser micro, né?)

400g de grão de bico (tava preguiçosa, usei grão de bico bonduelle mesmo)

225g de arroz basmati (dá uma lavada e depois escorre)

600ml de caldo de vegetais fervente (usei água pura)

sal e pimenta

preparo

aqueça a manteiga e o azeite numa panela e frite a cebola em fogo médio até ficar dourada.

adicione o cominho, coentro, alho, gengibre, espinafre, grão de bico, dill e arroz e refogue por uns 2 minutos.

adicione o caldo e tempere com sal e pimenta. deixe cozinhar tampado por 10 a 12 minutos.

retire a panela do fogo e deixe descansar por 8 minutos. sabe aquele truque de vó de abafar a panela de arroz? não sei por que, mas super funciona.

o arroz basmati é mais pegadinho, dê uma afofada com um garfo antes de servir.

Hamburguer picante de porco

(esqueci da vida e deixei queimar a primeira leva… mas ficou gostoso assim mesmo!)

ingredientes

500g de carne de porco moída

1 colher de chá de pasta de curry picante

3 colheres de sopa de farinha de rosca

1 cebola picadinha

2 colheres de sopa de suco de limão

2 colheres de sopa de coentro fresco picadinho

1 pimenta vermelha fresca picadinha (usei dedo de moça)

2 colheres de chá de açucar mascavo

sal

óleo pra fritar (eu só uso azeite. óleo aqui em casa só pra fritura de imersão)


preparo

misture a carne de porco, curry, farinha de rosca, limão, coentro, pimenta, sal e açucar.

divida em porçõezinhas, do tamanho que vc quiser seu hamburguer.

aqueça uma frigideira e frite de 3-4 minutos em cada lado.

sirva com uma colherada de iogurte natural e chutney de coentro.

erros e acertos:

por pura preguiça, usei carne de linguiça toscana (é só cortar a pele da linguiça e tirar a carne) em vez de comprar carne moída no açougue. resultado: a carne da linguiça é pedaçuda, não amassa bonitinho que nem carne moída. daí que eu precisei acrescentar ovo e farinha de trigo para dar liga à receita original. não ficou ruim, mas seria desnecessário com a carne preparada corretamente.

sobre a pimenta: se vc não está familiarizado com a pasta de curry ou com sua tolerância à picância (sim, essa palavra existe), VÁ COM CALMA! coloca metade da pimenta, amassa, frita um bolinho pequenininho e vê o resultado. tá sussa? coloca mais um pouquinho, vai acertando o tempero até descobrir a medida certa. a receita original usava 3 COLHERES DE CHÁ de pasta de curry, além da pimenta fresca. bicho, eu fui criada na bahia, eu afogo um misto quente em mostarda picante, mas 3 colheres de chá de pasta de curry pra meio quilo de carne é INTRAGÁVEL.

fora isso, pimenta é só alegria! =)